Dor no Ombro

Dor no ombro – o que pode ser?

Graças aos ombros, realizamos diversas atividades rotineiras como escovar os dentes, pentear o cabelo e trabalhar. Quando há um incômodo nessa região, nosso cotidiano é afetado. Existem diversas causas para dor no ombro e será sobre elas que vamos falar.

Se você apresenta esse sintoma ou se tem o interesse de aprender sobre o assunto, precisa ler esse texto.

5 causas da dor no ombro

1. Artrite

A artrite é a inflamação em uma ou em mais articulações, tais como, ombros, joelhos, tornozelos e pulsos. Essa condição pode ter origem autoimune, metabólica, em consequência de um trauma, um desgaste ou uma infecção.

Dependendo do nível da artrite, ela pode provocar uma lesão no tecido que protege a articulação, nos ossos, na cápsula articular ou nos ligamentos. Para evitar isso, ela precisa ser tratada o quanto antes.

2. Bursite

A bursite também é uma inflamação, mas da bursa. A bursa é uma estrutura que se parece com uma almofada e tem a função de proteger os tendões e os músculos dos ossos do ombro durante o movimento.

Essa inflamação é mais comum nos ombros, cotovelos e quadril, mas pode afetar  várias articulações. É uma condição frequente em pessoas que precisam realizar esforços repetitivos com o braço.

A bursite também pode ter origem em traumas ortopédicos, processos reumatológicos, gota ou uma infecção. Além da dor no cotovelo, o paciente apresenta rigidez, inchaço, calor ou vermelhidão.

A dor no ombro, característica da bursite, é sentida na parte superior ou frontal do ombro. Essa sensação é mais aguda quando há um movimento da articulação.

3. Fraturas no ombro

As fraturas no ombro também são causas comuns da dor no ombro e, na maioria dos casos, são fáceis de identificar. As fraturas são causadas por traumas, tais como, quedas de lugares altos ou acidentes de trânsito.

Além da dor, as fraturas costumam causar inchaço e manchas roxas na pele. A intensidade da dor irá variar de acordo com o tamanho da fratura.

4. Síndrome do manguito rotador

A síndrome do manguito rotador ocorre quando as estruturas responsáveis pela estabilização dos ombros são lesionadas, provocando dor, fraqueza e dificuldade para levantar o braço. Ela pode ser causada por uma tendinite ou por uma ruptura parcial ou total dos tendões.

Outras possíveis causas da síndrome são a formação de um processo inflamatório na região em função de um desgaste, irritação ou por um impacto excessivo na articulação.

O manguito rotador é uma parte do ombro que é formada por quatro músculos. Esses músculos desempenham funções importantes, como por exemplo, movimentar e estabilizar o ombro.

5. Capsulite adesiva

Também conhecida como ombro congelado, a capsulite adesiva é a inflamação da cápsula articular. Essa cápsula é uma estrutura composta de colágeno que reveste a articulação, auxiliando na estabilização do ombro.

Quando a região inflama, ela incha, fica avermelhada e mais espessa, perdendo sua elasticidade. A evolução dessa condição promove a limitação dos movimentos, o que caracteriza o problema.

O sintoma mais característico é a intensa dor que causa no ombro, que pode permanecer por meses ou até por anos. Essa doença ocorre com mais frequência após os 55 anos de idade, sendo mais comum em mulheres do que em homens.

Agora, se você sentir dor no ombro já sabe quais são as possíveis causas. Contudo, o diagnóstico preciso só pode ser dado pelo ortopedista. Quer saber mais? Clique no banner.

Comentários
Powered by Rock Convert
Avatar

Posted by Dr. Henrique Rios