paralisia muscular

5 doenças associadas à paralisia muscular

Dormência temporária, formigamento, dificuldade na hora de falar, comumente estão associadas à paralisia muscular. Ou seja, geralmente, o distúrbio acontece quando um grupo de músculos não se contrai, portanto o indivíduo acaba perdendo a capacidade parcial ou total de coordenação da área afetada.

Normalmente, quando isso acontece, os indícios de que há algo mais grave por detrás da manifestação são inerentes. Afinal de contas, eles indicam lesões comprometedoras nos músculos ou nervos.

Apesar dos motivos apresentados, ainda digo que a paralisia muscular pode estar ligada à deficiência de certas vitaminas e compostos como magnésio, potássio, vitamina do Complexo B, manganês. Enfim, substâncias fundamentais para manter o bom funcionamento de nervos e músculos.

Porém, neste artigo, especificamente, destaco algumas doenças relacionadas. Então, se você quer saber quais são elas, continue a leitura.

Doenças relacionados com a paralisia muscular

1. Esclerose lateral amiotrófica

Também conhecida como ELA, a Esclerose lateral amiotrófica é uma patologia degenerativa do sistema nervoso, que frequentemente provoca o entrevamento progressivo. Logo, a doenças é irreversível, portanto os movimentos do paciente ficam limitados com o passar do tempo.

A enfermidade, cuja parcela da causa está ligada à genética, desgasta os neurônios ao ponto de eles não conseguirem se comunicar mais com o restante do corpo, sendo assim, acarreta enfraquecimento dos músculos, movimentos involuntários e incapacidade de locomoção.

2. Paralisia de Bell

Trata-se da paralisia do nervo facial que culmina na incapacidade de conter os músculos faciais do lado atingido. Ou seja, a paralisia de Bell é um fenômeno raro, de manifestação repentina e causa desconhecida. Normalmente, a maior incidência da enfermidade é após os 40 anos e, na maioria dos casos, os pacientes conseguem se recuperar.

3. Acidente Vascular Cerebral

O derrame cerebral ou AVC, como também é conhecido, sucede quando os vasos que levam sangue para o cérebro ficam entupidos ou se rompem. Nesse sentido, o sobrepeso, a idade avançada, o consumo de álcool, o tabagismo, o sedentarismo, o histórico familiar, assim como a pressão e o colesterol altos aumentam o risco de manifestação da distúrbio.

4. Botulismo

Essa é uma doença neuroparalítica grave, provocada por uma bactéria, porém não é contagiosa. Ou seja, os machucados não tratados e alimentos contaminados são as principais causas de surgimento do botulismo. No geral, a patologia provoca insuficiência respiratória e problemas de coordenação motora.

5. Poliomielite

Provavelmente, você já ouviu pelo Rádio ou assistiu pela TV ou internet alguma campanha nacional do Zé gotinha, correto? Então, essa enfermidade é popularmente conhecida por paralisia infantil.

A doença, de origem viral, atinge os nervos do indivíduo, levando-o a paralisia parcial ou total da região afetada. Mas, em alguns casos, culmina em morte. Portanto, a vacinação é um dos meios de combatê-la.

Como informei, os motivos que levam alguém a ter paralisia muscular são vários. Porém, no que tange a doenças, algumas causas são genéticas. Então, ao menor sinal de alterações nos nervos ou músculos, bem como histórico familiar, consulte um especialista!

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como ortopedista em São Luís!

Comentários
Avatar

Posted by Dr. Henrique Rios